Nelson Motta

Nasceu em São Paulo, em 1944, estudou design, mas começou como jornalista e crítico musical aos 20 anos. Em 1966 ganhou o I Festival Internacional da Canção com “Saveiros” (com Dori Caymmi).

É letrista de 300 músicas e sucessos como “Dancin’ days” e “Como uma onda” (com Lulu Santos). Produziu discos de Elis Regina e Marisa Monte, escreveu os best-sellers Vale tudo: o som e a fúria de Tim Maia, Noites tropicais: solos, improvisos e memórias musicais e O canto da sereia, e o sucesso teatral Elis, a musical (com Patricia Andrade

Livros do autor

Mais sobre o autor no blog

Da marchinha ao rap: uma lista para falar de música
MÚSICA

Da marchinha ao rap: uma lista para falar de música

De Chiquinha Gonzaga a Marcelo D2. Ou, para abraçar gêneros, da vanguardista marchinha carnavalesca ao rap. Esses são o princípio e o fim de “101 canções que tocaram o Brasil”, de Nelson Motta. No robusto meio, há bossa, samba, rock, tropicália e, claro, MPB. Ao escritor, produtor e letrista coube garimpar e selecionar as músicas, […]

LER MAIS